Setembro Amarelo: O triste motivo pelo qual a cor foi escolhida.




A história real que inspirou a cor amarela como símbolo da prevenção do suicídio envolve Mike Emme, um jovem que morava em Westminster, no Colorado, Estados Unidos.


O rapaz era conhecido como Mustang Mike, pois havia comprado um modelo antigo do automóvel Ford Mustang, e trabalhou sem parar até recuperá-lo por completo; no fim, o pintou de amarelo, criando assim seu apelido.


Mike era apaixonado por seu carro e amado por seus amigos e família. Todos o viam como um garoto entusiasmado com a vida, engraçado e caridoso. Ninguém poderia imaginar o que ele, verdadeiramente, estava passando.


No dia 8 setembro de 1994, às 23:52 da noite, seus pais chegaram em casa e se depararam com uma cena que mudaria a vida de todos para sempre.


Mike Emme estava morto dentro de seu tão amado mustang amarelo, em decorrência de um tiro. Ao seu lado um triste bilhete: “Mãe, pai, não se culpem. Eu amo vocês. Com amor, Mike. 11:45 pm”.


Os pais, Dale e Darlene Emme, ficaram devastados. E se perguntaram: se tivessem chegado sete minutos antes poderiam ter evitado essa tragédia?


Esse questionamento motivou o casal a incentivar outros jovens que estivessem passando por problemas semelhantes a procurarem ajuda.

Para isso, planejaram um detalhe especial para o dia do enterro do filho, que partira com apenas 17 anos.


No sepultamento do garoto, seus amigos e parentes levaram uma grande cesta: nela havia centenas de cartões e cada um estava preso a uma fita amarela — em homenagem ao carro de Mike e sua memória.


Nos papéis uma mensagem simples: “Se você precisar, peça ajuda”.


Ao final da cerimônia todos os bilhetes haviam sido entregues e, para a surpresa da família Emme, dias depois, recebeu ligações de todos os lugares. Pessoas pedindo apoio e confessando seus problemas e medos.


Foi quando a ideia de uma organização surgiu: a Yellow Ribbon (Fita Amarela, em tradução livre). Uma entidade sem fins lucrativos que promove a conscientização de doenças que ainda são tratadas como tabu.


Nos últimos 25 anos, foram entregues quase 20 milhões de cartões, segundo a própria instituição, conseguindo, assim, salvar 114 mil vidas. O movimento que começou tragicamente com a perda de um jovem promissor, hoje faz a diferença no mundo e busca mostrar que toda vida vale a pena.


Caro leitor, se você sente que precisa de apoio emocional ou tem percebido sinais de depressão entre em contato gratuitamente com Centro de Valorização da Vida através do número 188, ou procure uma ajuda especializada, nada disso é falta de vontade ou que você “precisa se ajudar”, sabemos que não existe da onde tirar forças, então procure ajuda! O serviço conta com voluntários treinados para ajudar você da melhor maneira.


Precisamos urgentemente diminuir este índice, pois apesar do progresso, uma pessoa comete suicídio a cada 40 segundos.



Sobre o Portal

Criado em 2014, o Portal Eu Sou + Arsystem revolucionou a comunicação institucional, centralizando e facilitando o acesso a informações fundamentais para os profissionais da empresa.

Acesse Também

Siga nossas redes sociais

  • Facebook - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • Facebook - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

© 2014-2020 | Produzido por Marketing Arsystem